Desvinculados 29 agentes de Trânsito por extorsão a automobilistas em Maputo

Vinte e nove agentes da Polícia de Trânsito, na cidade de Maputo, foram desvinculados do ramo por comportamentos desviantes, muitos deles relacionados com extorsão a automobilistas.

Segundo Bernardino Rafael, Comandante da Polícia da República de Moçambique (PRM) em Maputo, os visados deixavam de garantir a segurança rodoviária na via pública, optando por práticas corruptas lesivas aos automobilistas e, por outro lado, manchando a imagem da corporação.

“Desde já, os 29 agentes que comprovadamente vinham extorquindo os automobilistas passam para o ramo da Polícia de Protecção e outros sectores da PRM. Mesmo assim, a sua actividade passa a ser vigiada pela Inspecção da Polícia, tudo de forma a evitar novos casos de extorsão. Caso voltem a praticar estes comportamentos desviantes serão expulsos da corporação”, advertiu o General Bernardino Rafael.
Share on Google Plus

About Moz no Ar Oficial