Cristiano Ronaldo soma sete golos na qualificação para mundial

Cristiano Ronaldo ampliou este domingo para sete o seu número de golos na qualificação para o Mundial de futebol de 2018, igualando, em três jogos, o número de tentos pelo Real Madrid em 2016/17, mas em 12 encontros.
Depois do “póquer” a Andorra (4-0) e do tento apontado nas Ilhas Faroé (6-0), o “capitão” da seleção portuguesa “bisou” perante a Letónia (4-1), com tentos aos 28 minutos, de penálti, e aos 85, após assistência de Ricardo Quaresma.
O ‘7’ luso, que ainda falhou outra grande penalidade e atirou uma bola ao ‘ferro’, tem sete golos na qualificação e três vitórias em três jogos, uma vez que, por lesão, falhou a estreia, o desaire por 2-0 na Suíça.
A meia dúzia de tentos pela seleção lusa em 2016/17, à média de dois por encontro, contrasta com a sua produção no Real Madrid: soma os mesmos sete golos, mas em 12 jogos, sendo que já ficou em ‘branco’ em sete ocasiões.
Com o ‘bis’ no Algarve, onde marcou pelo sexto jogo seguido, Cristiano Ronaldo cimentou também o estatuto de melhor marcador de sempre de Portugal: em 136 jogos, já leva 68 golos, mais 21 do que Pauleta e 27 face ao ‘rei’ Eusébio.
Por seu lado, o central Bruno Alves, que faturou nos descontos (90+2), cimentou o estatuto de defesa com mais golos na história da formação das ‘quinas’, ao apontar o 11.º, que o deixa no 19.º lugar da geral, em igualdade com José Águas.
O atual jogador dos italianos do Cagliari, que somou a 88.ª internacionalização ‘AA’, passou a contar mais três tentos do que o ‘histórico’ Fernando Couto, sendo que já não marcava desde 06 de junho de 2014 (1-0 ao México, num particular).
Ao contrário de Cristiano Ronaldo e Bruno Alves, o médio William Carvalho abriu o seu histórico de golos, já que marcou hoje o primeiro pela seleção ‘AA’, ao 29.º jogo.

O médio do Sporting, que se estreou a 19 de novembro de 2013, em Solna, frente à Suécia (3-2), no jogo que colocou Portugal no Mundial de 2014, faturou de cabeça, aos 69 minutos, dois após Arturs Zjuzins restabelecer a igualdade.
Share on Google Plus

About Moz no Ar Oficial