Explosão de Galaxy S7 queima mãos de um homem - MoznoAr

Breaking

Post Top Ad

Responsive Ads Here

sexta-feira, 18 de novembro de 2016

Explosão de Galaxy S7 queima mãos de um homem

A polémica da Samsung ainda não acabou e alastrou-se ao topo de gama lançado no início do ano.

A explosão de um Galaxy S7 resultou em queimaduras de segundo grau nas mãos de um mecânico, Amarjit Mann, no Canadá. Os pulsos também foram queimados como resultado desta explosção, sofrendo queimaduras de terceiro grau.

O incidente reaviva a polémica em que a Samsung esteve envolvida graças às explosões da linha Note 7, dispositivo que foi descontinuado e que obrigou a tecnológica sul-coreana a emitir uma recolha mundial para evitar incidentes. Porém, parece que mesmo os Galaxy S7 não são totalmente seguros. Mann conta que o incidente aconteceu enquanto estava no carro, altura em que tinha o smartphone no bolso, quando começa a sentir este a aquecer subitamente. Ao tirar o dispositivo das calças, este explodiu de imediato, dando apenas tempo de o atirar pela janela, contou ao CTV News.


Em reação a esta notícia, um representante da Samsung no Canadá admitiu que não será capaz de averiguar o caso sem ter oportunidade de examinar o dispositivo móvel. “A segurança dos nossos clientes continua a ser a nossa maior prioridade e continuamos comprometidos em trabalhar com qualquer cliente que tenha experienciado um problema com um produto da Samsung”, pode ler-se no comunicado.

Post Top Ad

Responsive Ads Here