“Não tenho Medo de Morrer pela Minha terra…Querendo me assassinar, que me assassinem” diz Manuel de Araújo

Durante uma conferência de imprensa que concedeu na cidade de Quelimane, na província Central da Zambézia, na semana Passada. O Presidente do Conselho Municipal de Quelimane, Manuel de Araújo, falou sobre os assassinatos dos membros do maior partido da oposição da nossa Pérola do “Atum”.

O Edil de Quelimane disse não ter dúvidas que foi o Esquadrão da Morte que assassinou Jeremia Pondeca e outros membros do partido Liderado por Afonso Dhlakama.

“Jeremias Pondeca foi assassinado pelos Esquadrões da Morte. Ha dias atrás, foi assassinado um Concidadão nosso em Gurué.


Não tenho Medo de Morrer pela Minha terra. Querendo me assassinar, que me assassinem, mas vou morrer Feliz, por que vou morrer por uma causa justa.”
Share on Google Plus

About Moz no Ar Oficial