Selecionador de futebol sul-africano suspenso - MoznoAr

===DISTRIBUINDO NOVIDADES NO AR===


Hot

Post Top Ad

Your Ad Spot

terça-feira, 15 de novembro de 2016

Selecionador de futebol sul-africano suspenso

O Selecionador de futebol da África do Sul foi segunda-feira suspenso e enfrenta uma audiência disciplinar depois de ter sido apanhado a maltratar e insultar os seus críticos, inclusive o presidente da Federação Sul-Africana.
Um vídeo que veio a público segunda-feira mostra Shakes Mashaba a ser acalmado por um jornalista e por um dirigente da Federação Sul-africana de Futebol (SAFA) antes de uma entrevista para a televisão nacional, incidente que ocorreu depois da vitória da África do Sul frente ao Senegal por 2-1, no sábado, em jogo de qualificação para o Mundial-2018, quando já se especulava acerca da sua demissão em caso de derrota nesse jogo.
A gravação mostra um Mashaba claramente irritado, a gritar e a apontar o dedo enquanto se deslocava para o local da entrevista.
“Não, não, não. Eu vou falar antes de me pronunciar sobre a nossa vitória. Esta é a minha segunda vida. Essas pessoas já me enterraram, vocês sabem disso. Os media dizem que eu já passei à história e ainda querem que eu fale para eles?”, gritou Mashaba, ao mesmo tempo que dirigente da SAFA se aproxima dele para tentar acalmá-lo.
A SAFA justificou a suspensão a Mashaba devido a um “incidente lamentável” no estádio, mas não referiu se o mesmo ocorreu durante os comentários para a televisão, enquanto alguns órgãos de comunicação social dão conta de que o treinador esteve envolvido noutro incidente após o jogo, no qual terá, alegadamente, insultado o presidente da SAFA, Danny Jordaan, e outros dirigentes federativos quando entrou no balneário para felicitar a equipa.
A suspensão de Mashaba o impediu de viajar com a selecção sul-africana para um jogo particular diante da Selecção Nacional realizado ontem. O treinador adjunto, Owen da Gama, foi quem dirigiu a equipa.
A SAFA referiu ainda que não irá fazer mais comentários sobre o assunto “por respeito pela dignidade do seleccionador e da própria federação e pelos procedimentos legais que um caso desta natureza obriga”.
LEGENDA:
Shakes Mashaba, seleccionador da África do Sul, suspenso alegadamente por se portar mal no final do jogo com o Senegal.
O pedido de reestruturação diz respeito aos encargos da Ematum, uma das beneficiadas pelos empréstimos ocultos e que já tinha sido alvo de uma conversão, há sete meses, dos seus encargos em títulos da dívida moçambicana, no valor de 727 milhões de dólares (652 milhões de euros).
A reestruturação da dívida é uma das condições exigidas pelo FMI para reatar a ajuda financeira a Moçambique, mas os credores já anunciaram que é prematuro iniciar negociações, antes do fim de uma auditoria internacional independente às dívidas escondidas.

O FMI exige também fortes medidas de ajustamento fiscal e monetário, para conter a desvalorização do metical e o aumento da inflação e para equilibrar as contas públicas, e ainda a realização da auditoria, que deverá ter início em breve, com um prazo de 90 dias.

Post Top Ad

Your Ad Spot