Foi forçado a comer fezes de gato antes de ser espancado até à morte - MoznoAr

Breaking

Post Top Ad

Responsive Ads Here

quinta-feira, 29 de dezembro de 2016

Foi forçado a comer fezes de gato antes de ser espancado até à morte

Dois homens e uma mulher foram condenados pelo crime que chocou as autoridades.
Delvin Mendoza-Chaparro, jovem de 20 anos, foi forçado a comer fezes de gato, antes de ser espancado e não conseguir resistir aos ferimentos. A morte de Delvin aconteceu no dia 19 de dezembro, em Milwaukee, e três pessoas – dois irmãos e mulher - já foram acusadas de homicídio.
Um dos irmãos, Devin Katzfey, foi quem o forçou a comer a comida de animal, enquanto o seu irmão de 19 anos, Branden Katzfey, urinou em cima da vítima. O brutal ataque aconteceu em casa da terceira acusada, Sarah Zakzesky.
Depois de o terem matado, refere o Metro, Delvin foi deixado num beco com as calças puxadas para baixo, sem meias e sem sapatos. Segundo a versão contada às autoridades, os quatro tinham estado a fumar erva, quando Devin acusou a vítima de ter roubado um cachimbo e outros objetos.

De seguida, terá arrastado Mendoza-Chaparro para a cozinha onde terá sido o primeiro a espancá-lo. A polícia encontrou também vídeos do momento das agressões na rede social do Snapchat. Na última gravação pode-se ouvir: “Tu ouviste-me, isto é o que acontece quando se tenta roubar”.

Post Top Ad

Responsive Ads Here