PRM prende Suposto autor da trágedia de Caphiridzange - MoznoAr

Breaking

Post Top Ad

Responsive Ads Here

terça-feira, 17 de janeiro de 2017

PRM prende Suposto autor da trágedia de Caphiridzange

Suposto autor do incêndio de um camião cisterna que matou 104 pessoas na província de Tete, entregou-se as autoridades, avançou a Voz de América (VOA).
O Referido homem, foi identificado pelas autoridades como Sabino, mas é popularmente conhecido por Talibã.
Os moradores da região, afirmam que o nome “Terrorista”, deve-se ao facto do mesmo controlar o esquema de comércio informal de combustível.
A Polícia da República de Moçambique ao nível da província de Tete,  anunciou ontem, segunda-feira (16), que o suposto autor da explosão de um cisterna com gasolina em Caphiridzan­ge, entregou-se à Polícia de Moatize na semana passada.
A PRM assegurou que Talibã, é proprietário da viatura que transportava a moto-bomba que alegadamente provocou o incêndio.
“Ele se apresentou e foi detido para responder no processo sobre a trágedia de Caphiridzange”, declarou Pedro Banana, chede das operações no comando da Polícia de Moatize, citado pela VOA.
Banana, afiançou contudo, que Talibã, vai responder num processo já em curso na justiça.
A Polícia já seguia pistas sobre o envolvimento de Talibã, após ter detido em Novembro o primeiro indivíduo suspeito no envolvimento do esquema de venda de combustível que acabou em tragédia no distrito de Moatize.

Informações de última hora, dão conta que Talibã, está em liberdade sob caução, saindo da penitenciária de Moatize, para aguardar o julgamento do processo.

Post Top Ad

Responsive Ads Here