Jovem detido em Maputo por estuprar dezenas de meninas - MoznoAr

===DISTRIBUINDO NOVIDADES NO AR===


Hot

Post Top Ad

Your Ad Spot

quarta-feira, 7 de junho de 2017

Jovem detido em Maputo por estuprar dezenas de meninas

Um jovem encontra-se detido na primeira esquadra da Polícia da República de Moçambique (PRM), em Maputo, acusado de violar sexualmente dezenas de meninas com idades que variam de 14 a 18 anos de idade.

Aparentemente sem sinais de arrependimento, Luís Marcos Ervilha, de 32 anos de idade, confessou ter praticado, reiteradamente, o crime de que é acusado.

“Estou aqui [na esquadra] por causa de um crime por mim cometido. É uma coisa que fiz, então, não posso negar, porque as evidências são claras”, disse o jovem, ajuntando que “não posso precisar com quantas meninas já fiz isso, mas eu tinha um dom para o que fiz (...)”.

Luís Ervilha vivia num quarto arrendado no bairro de Malhangalene, quarteirão 37, e fazia tudo longe da desconfiança dos vizinhos, que achavam que ele era professor algures na capital do país.

Todavia, agora, toda a vizinhança está estupefacta após descobrir que tinha na zona um predador sexual.

Aliás, alguns pais e encarregados de educação estão receosos e não querem imaginar que as suas filhas possam ter sido vítimas do indiciado, uma vez que ele se apresentava igualmente como explicador particular. As aulas tinham lugar no seu próprio quarto, onde, segundo a Polícia aconteciam os abusos sexuais.

Na casa do suposto estuprador, a Polícia recuperou várias fotografias e documentos de candidaturas a presumíveis empregos. Esta era a artimanha que ele usava para aliciar as suas vítimas.

Para lograr os seus intensos, Ervilha, que já foi casado, usava vários números de telefone e de operadores diferentes.

A PRM disse que já começou a movimentar um processo que poderá culminar com a detenção do acusado num estabelecimento penitenciário.

Verdade

Post Top Ad

Your Ad Spot